2. A Oração

A oração no Islam

A oração é um ritual de adoração que consta de palavras e atos específicos.

Deus ordenou que todo ser humano depois de pronunciar os dois testemunhos de fé, sujeite sua vida a quatro preceitos: a oração, o jejum, a caridade e a peregrinação. Todos esses preceitos constituem os pilares sobre os que se ergue o Islam. É um treinamento para executar as ordens de Deus sobre a própria pessoa, seus bens, suas paixões e seus instintos. O homem deve livremente submeter-se a sua vida as ordens de Deus e Seu Mensageiro, e não seguir suas próprias paixões excessivamente.

Através da oração o muçulmano se auto-adestra para cumprir com as ordens de Deus em todos os aspectos de sua vida: em sua moral, seu tratamento com as pessoas, sua alimentação, sua vestimenta e com todos os demais aspectos.

Efeitos psicológicos da oração

A oração corretamente feita com concentração e submissão ilumina o coração e instrui a alma. Ensina ao servo às normas de entrega e dos deveres divinos para com Deus, O Grandioso, fazendo que se enraíze no coração do praticante a grandiosidade de Deus e sua grandeza.

Enfeita o individuo e o embeleza com as virtudes mais sublimes como a sinceridade, a fidelidade, a complacência com as coisas que Deus lhe deu, a lealdade, a firmeza, a modéstia, a justiça e a benevolência. Eleva aquele que pratica as orações e o dirige exclusivamente a Deus. Reforça seu sentimento de que Deus o esta observando, e por seu temor ante Ele faz que aumentem seus desejos e se purifique o seu espírito. Se afastando assim da mentira, da traição, do mal, da deslealdade, da cólera, da inveja, e da prepotência, e abandona a injustiça, a agressividade, a infidelidade, a transgressão e a desobediência para submeter-se a vontade de Deus.

Confirma-se assim o que disse Deus, exaltado seja, com relação à oração:

“Certamente, a oração preserva a obscenidade e do ilícito; a recordação de Deus é maior ainda; porque Deus sabe tudo o que fazeis”.
(Alcorão cap.: 29 vers.: 45).

A oração é o remédio dos corações

A oração permite uma imagem exterior e um espírito. Sua imagem exterior é a adoração do corpo e seu espírito e a adoração do coração; ou seja, uma ginástica espiritual e corporal que ilumina o coração e o rosto daquele que a pratica com luzes divinas e assim, se eleva seu espírito que é o vinculo entre o servo e seu Senhor.

O ato de praticar a oração é um dos sinais maiores da fé e o mais significativo dos ritos religiosos; é a prova mais evidente do agradecimento a Deus por suas incontáveis graças. Seu descuido é uma ruptura com Deus e a privação de sua misericórdia, de transbordante graça e de sua benevolência ilimitada. É também, uma negação de sua generosidade e grande favor.

A oração correta é o remédio eficaz para todos os males que afetam o coração e a alma, assim como é a luz que desfaz a escuridão dos pecados e das culpas.

O Profeta de Deus, que a paz e as bênçãos de Deus estejam com ele, disse:

“Vocês acham que ficaria alguma sujeira em alguém, sendo que em frente a sua porta passa um rio, no qual ele se banha cinco vezes ao dia?”.

Alguém respondeu: “Certamente que não ficaria nada de sujeira”.

Disse: “Assim é o exemplo das cinco orações, com as quais Deus apaga todos os pecados”.

A unidade e a igualdade na oração

Na oração se manifesta a justiça e a igualdade. Quando o muazin chama: “Venha para a oração, venha à prosperidade”, este chamamento esta dirigido ao pobre e ao rico, grande e pequeno, governante e cidadão. Uma vez reunidos se colocam de pé, com o mesmo nível, sem distinção nem discriminação, pois todos os servos de Deus se reuniram em um mesmo solo para invocar a Deus humildemente recolhido ante Ele, em uma das casas de Deus.

“Por certo que nas mesquitas somente se adora a Deus, assim, pois, não invoqueis nada e nem ninguém junto a Deus”.

Mantêm-se de pé em direção a Mecca. Adoram somente a um Senhor, que não tem associado algum, humildemente recolhidos e submissos, esperançosos em sua misericórdia.

“Invoca Lhe com temor e esperança. Por certo que os benfeitores estão mais perto da misericórdia de Deus”.
(Alcorão cap.: 7 vers.: 56).

A esperança na misericórdia de Deus

Todos nós acreditamos que Deus é infinitamente Absolvedor e Misericordiosissímo, e que sua misericórdia alcança tudo, que o oceano de sua graça e generosidade é interminável.

Meditamos juntos sobre alguns versículos do alcorão e ditos do Profeta, que a paz e as bênçãos de Deus estejam com ele, a fim de ver se que a misericórdia de Deus e tão acessível e se distribui indiscriminadamente inclusive aos que não solicitam nem procuram obtê-la.

O sentido comum e a razão prudente, assim como o conceito Islâmico não aceita que a misericórdia divina seja distribuída indiscriminadamente ao ponto de incluir aqueles que negam a existência de Deus e não reconhecem suas mercês e fazem sofrer os demais com suas injustiças e humilhações.

Deus, Altíssimo seja, disse no Alcorão:

“Por certo que os benfeitores estarão mais perto misericórdia de Deus”.
(Alcorão cap.: 7 ver.: 56).

Também mencionou:

“Minha misericórdia abrange tudo, e lhe a concederei aos piedosos que dão caridade e crêem em Nossos sinais”.
(Alcorão cap.: 7 vers.: 156).

A misericórdia de Deus se alcança com ações virtuosas, piedade, bondade e encomendando-se a Deus.

A verdadeira fé em Deus é aquela que esta confirmada pela coerência e uma pratica conforme as regras que refletem essa fé. A fé não alcança com um desejo em vão, senão pelo que se guarda no coração e esta confirmando pela ação.

O Profeta de Deus, que a paz e as bênçãos de Deus estejam com ele, disse:

“A fé não consiste em um vago desejo, senão que é o que se enraíza no coração e é confirmando pela ação. Existiram pessoas que se seduziram pelas vagas ilusões, ate que abandonaram esta vida sem ter realizado nenhuma boa ação e disseram: ‘Nós confiamos em Deus Altíssimo seja’, porem mentiam, porque se houvessem confiado realmente em Deus, haveriam realizado boas ações”.

Qual o numero de orações diárias

As orações diárias são cinco:

  • A oração da alvorada;
  • A oração do meio dia;
  • A oração do meio da tarde;
  • A oração do poente;
  • A oração da noite.

Unicidade e Luz
Explicando o Islam de forma clara e simples