Palavras de Aconselhamento » Dificuldades Pessoais

A maioria dos pesadelos tem a sua base em nossa vida de vigília. Que pode ser o resultado de algo que temos visto ou de algo que preocupou nossos pensamentos durante o dia. Estes podem ser o resultado de experiências estressantes ou assustadoras.

Os pesadelos são mais comuns entre as crianças pequenas. Sua frequência geralmente diminui com a idade até o momento da puberdade. Entre os adultos, os pesadelos são mais comuns entre as mulheres do que entre os homens.

Aquele que tem um pesadelo não deve preocupar-se. Uma das principais causas dos pesadelos é comer à noite antes de ir dormir. Quando uma pessoa dorme logo após comer, seus processos metabólicos aceleram e afetam seu corpo e atividade mental durante o sono.

Além disso, é recomendado para um muçulmano dormir em um estado de pureza ritual. Isso significa que é melhor para ele realizar o wudu’ (ablução) antes de ir para a cama.

Recomenda-se também deitar sobre o lado direito do corpo quando se vai dormir. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) costumava dormir em seu lado direito e instruiu seus seguidores a fazer o mesmo.

Ele disse [Sahih Al-Bukhari (247) e Sahih Muslim (2710)]:

Se você for para o seu local de dormir, faça suas abluções como faria para a oração, e logo se deite sobre o seu lado direito, então diga:
“Ó Deus, eu me submeto a Ti e confio a Ti meus assuntos, a Ti volto minha face e me refugio em Ti com esperança e entrega. Não tenho refúgio nem salvação de Ti, senão me apegando a Ti. Eu acredito no Livro que revelaste e a Seu Profeta a quem enviaste”.

[Allahuma aslamtu nafsi ilaika ua fauuadtu amri ilaika ua uaiiahtu uaihia ilaika ua alj’atu dhahri ilaika raghbatan ua rahbatan ilaika amantu bilkitabika aladhi anzalta ua binabiika aladhi arsalta].

Se você morrer nesta noite, então você estará sobre a fé natural (fitrah). Faça com que estas palavras seja a última coisa que diga.

Também é fortemente recomendado recitar as recordações prescritas para dormir que encontramos na Sunnah.

Entre as mais importantes entre elas é a recitar Ayah Al-Kursi, que é o versículo 255 da Sura Al-Baqarah(2). Abu Hurayrah relata [Sahih Al-Bukhari (3275)]:

O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) me encarregou de guardar o Zakat do Ramadã. Alguém se aproximou e começou a pegar um punhado de comida. Eu o agarrei e disse: “Por Deus, te levarei até o Mensageiro de Alah”.

Ele disse: “Eu sou pobre e tenho uma família grande e estou em extrema necessidade”.

Então eu o deixei ir e na parte da manhã o Profeta disse: “Ó Abu Hurairah! O que você fez com o seu prisioneiro ontem?”.

Eu disse: “Ó Mensageiro de Allah, ele se queixou de extrema necessidade e de ter uma grande família, então eu mostrei misericórdia para com ele e o deixei seguir seu caminho”.
O Profeta disse: “Ele mentiu para você e irá voltar”. Então, a partir das palavras do Mensageiro de Allah, eu sabia que ele voltaria. “Portanto, fiquei à espera dele, e ele veio e mais uma vez e começou a pegar um punhado de comida”.

Agarrei-o e disse: “Te levarei até o Mensageiro de Alah!”.

Ele disse: “Deixe-me ir. Eu sou pobre e tenho uma grande família. Eu não vou voltar”. Então tive misericórdia dele e o deixei seguir seu caminho.

De manhã, o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse-me: “Ó Abu Hurairah! O que você fez com o seu prisioneiro ontem?”.

Eu disse: “Ó Mensageiro de Allah, ele se queixou de extrema necessidade e de ter uma grande família, então eu mostrei misericórdia para com ele e o deixei seguir seu caminho”.

O Profeta disse: “Ele mentiu para você e irá voltar”. Então, fiquei à espera dele uma terceira vez e ele veio e começou a tomar um punhado de comida. Eu o agarrei e disse: “Te levarei até o Mensageiro de Allah! Esta é a terceira vez. Afirmastes que não voltaria e então logo voltaste”.

Ele disse: “Deixe-me ir. Vou te ensinar algumas palavras que te ajudarão com Allah”.

Eu disse: “Quais são elas?”.

Ele disse: “Quando fores para a cama, recite Ayah Al-Kursi, “Allah, não há outro deus além d’Ele, o Vivente, o Subsistente…” até o final da aya (versículo). Terás alguém vigiando por você procedente de Allah e os demônios não chegarão perto de você até a manhã”.

Então o deixei seguir seu caminho. Na parte da manhã, o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse-me: “O que você fez com o seu prisioneiro ontem?”.

Eu disse: “Ó Mensageiro de Allah! Ele alegou que iria me ensinar algumas palavras que me ajudariam com Allah, assim que o deixei seguir seu caminho”.

E o Profeta disse: “Quais são elas?”.

Eu disse: “Ele me disse: Quando fores para a cama, recite Ayah Al-Kursi até o fim”. Ele me disse: “Terás alguém vigiando por você procedente de Allah e os demônios não chegarão perto de você até a manhã”.

O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) disse: “Ele lhe disse a verdade mesmo sendo ele um mentiroso. Você sabe quem estavas falando nestes três dias, Abu Hurairah?”.

Eu disse: “Não”.

O Profeta disse: “Foi Satanás”.

Recomenda-se também recitar as duas últimas suras do Alcorão – Sura Al-Falaq (113) e Sura An-Nas (114). Elas são conhecidas como “as duas suras da busca do refúgio em Allah”.

Uma súplica importante pela qual nós buscamos o refúgio em Allah contra o mal dos seres humanos e dos gênios é: “Em nome de Deus, com cujo nome não traz danos aos céus e na terra”.

O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) nos informou que todo aquele que recita isso três vezes, todas as manhãs e a noites nada irá o prejudicá-lo. [Sunan Abu Daud (4425), Sunan At-Tirmidhi (3310) e Sunan Ibn Majah (3859)].


Unicidade e Luz
Explicando o Islam de forma clara e simples